Profissionais de diversas áreas se reúnem e realizam a quarta edição da força tarefa de reconstrução mamária

Do dia 21 ao dia 25 no HRT foram realizados os procedimentos de reconstrução em 73 mulheres

Fotos: Divulgação/Saúde-DF

O Hospital Regional de Taguatinga (HRT) recebeu na última semana a quarta edição da força tarefa de reconstrução mamária. Aproximadamente 100 profissionais se reuniram para atender pacientes que estavam na fila de espera pela cirurgia de reconstrução após o câncer de mama.

A ação resultou em 73 cirurgias, onde seis dessas pacientes fizeram duas cirurgias e outras 13 mulheres tiveram as aréolas tatuadas.

Os procedimentos realizados foram mastectomia com retirada total da mama e reconstrução imediata (plástica mamária reconstrutiva), simetrizações, colocação de próteses e reconstrução de aréola e mamilos.

A supervisora do centro cirúrgico e organizadora da iniciativa, Mônica Dias, avaliou positivamente a iniciativa e disse que sem os voluntários, o atendimento não teria sido realizado com sucesso.

“Elas saíram daqui felizes e resgataram sua autoestima depois de todo o sofrimento causado por um câncer de mama. Todos os dias, nós tínhamos cinco salas de cirurgia funcionando e os voluntários fizeram toda a diferença. Sem eles não teríamos realizado esta ação”, contou Mônica.

Durante todo o mês de outubro, unidades das regiões de Saúde Sudoeste, Sul, Central e Leste promovem atividades educativas, recreativas, palestras, exames e testes rápidos, para chamar a atenção para a seriedade do câncer de mama.

Vale lembrar que o câncer de mama é o tipo da doença mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil. Então mulheres cisgênero (pessoa que se reconhece com o sexo de nascença) e homens transexuais (pessoa que ao nascer foi designada com um sexo mas se reconhece pelo sexo oposto), devem procurar um médico que acompanhe no cuidado integral da saúde, fazendo assim a real prevenção contra o câncer de mama.

*Com informações da Secretaria de Saúde 

Por Mariana Araujo 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *