Eleições para conselheiros tutelares do Distrito Federal serão realizadas com urnas eletrônicas

Votações contará também com a presença do TRE e policiamento ostensivo de Policiais militares.

No próximo domingo (6/10), das 9h às 17h, será realizado a eleição em todas as regiões administrativas do Distrito Federal para a escolha dos conselheiros tutelares. Nesta eleição, contará pela primeira com a participação do Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF) e do uso de urnas eletrônicas, que tem como objetivo garantir a segurança e integridade do processo de escolha. 

De acordo com informações da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), todos os conselhos são vinculados administrativamente ao órgão. Além disso, durante a votação, o policiamento ostensivo prestará serviços e também presenciará a totalização dos votos que será feito pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF). Já a fiscalização ficará responsável pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) e da Sejus, por meio da Subsecretaria de Segurança Institucional. 

A moradora da cidade de Ceilândia, Renata Alves de 28 anos, relata a importância das urnas e da presença do TRE nesta eleição. “Durante muito tempo não houve a presença dessa segurança toda. Mas é muito importante, pois isso aqui será feito uma eleição como todas as outras, deve ter uma segurança maior, para a credibilidade dos resultados finais”, afirma Renata, que marcará presença na escolha do Conselho Tutelar n° II da região administrativa de Ceilândia. 

Ao todo, serão 149 locais de votação e 30 locais de totalização de votos distribuídos pelas regiões administrativas do DF. 

“Essa parceria com o TRE vai facilitar a apuração dos votos, além de garantir dinamismo e mais segurança para o processo”, relata o Secretário da Sejus, Gustavo Rocha.

Por: Liliana Lima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *