Celebração cultural afro-brasileira será realizada na Torre de TV

O evento abordará os aspectos da cultura afro-brasileira 

Imagem: Divulgação

O Projeto Folha Seca, que traz a musicalidade da cultura afro-brasileira através dos tambores e foi idealizado pelo percussionista Marcos Valente, completa dois anos de trabalho em 2019. Em comemoração, promoverá gratuitamente um evento, no domingo (6), com diversas vivências culturais de matriz africana aberto a todo o público do Distrito Federal.

O evento acontecerá na Torre de TV, a partir das 14h. Com apresentação de seus alunos, terá também a participação de parceiros, como a capoeira com o mestre Olodum, Maculelê com Raízes do Brasil, roda de samba com Sambadeiras de Bimba, e muito mais. 

Marcos, incentivado por seus Mestres Miojo, mestre na capoeira e no terreiro, e Olodum, mestre de capoeira, iniciou a caminhada como professor de percussão afro-brasileira. Em Brasília, se encontrou no candomblé, onde foi incumbido com o cargo de Ogã, o “tocador de tambor” do terreiro. Após essa caminhada, ele então deu início ao projeto. 

Hoje, o Projeto Folha Seca atende cerca de 50 alunos e desenvolve, em média, 3 apresentações por mês. Ele vai além da religiosidade de matriz africana. Ensina o fundamento, a ancestralidade, a cultura e, por vezes, a história por meio da percussão. É a cultura popular afro-brasileira ensinada pelos tambores.

Data: 06/10/2019

Local: Feira da Torre de TV

Horário: das 14h às 19h

Programação

14h00 – ABERTURA DO EVENTO
14h30 – APRESENTAÇÃO ALUNOS DO PROJETO FOLHA SECA TOCANDO MELHOR DA MUSICALIDADE AFRO-BRASILEIRA
15h30 – VIVÊNCIA DA MUSICALIDADE NA CAPOEIRA – CAPOEIRA DE ALMA COM MESTRE OLODUM
16h00 – APRESENTAÇÃO MACULELÊ – RAIZES DO BRASIL COM MESTRE BANJO
16h30 – APRESENTAÇÃO SAMBA DE RODA – SAMBADEIRAS DE BIMBA COM FERNANDA MACHADO
17h30 (E NOS INTERVALOS) – DJ MIOJU (BARRACÃO) – SAMBA, CÔCO, AXÉ, MARACATU E MUITO MAIS!
19h – ENCERRAMENTO DO EVENTO

Por Mariana Albernaz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *