Palestra sobre o futuro do trabalho abre o 4º Encontro da Escola de Educação, Tecnologia e Comunicação da UCB

Diretor de Relações Governamentais da IBM foi o convidado para ministrar a palestra

No 4º Encontro da Escola de Educação, Tecnologia e Comunicação da Universidade Católica de Brasília, que aconteceu nesta terça-feira (24), o tema “O Futuro do Trabalho na Perspectiva das Transformações Tecnológicas” foi um assunto de uma das palestras do evento. O palestrante desta vez foi Fábio Rua, diretor de Relações Governamentais e Políticas Públicas da IBM América Latina. 

Fábio começou a palestra destacando a Inteligência Artificial (IA) como apoio a processos de tomada de decisões de vários profissionais por meio de dados estruturados. Além disso, ele também abordou o uso dessas tecnologias para a melhoria e não para a substituição de empregos. 

Foto: Igor Porto

Rua ressaltou a necessidade de se reinventar frequentemente em meio ao avanço da IA, através de um aprendizado contínuo. “Se a gente não tiver a capacidade de se reinventar, de se adaptar e de buscar novas formas de trabalhar, tirando as tradicionais já existentes, a gente vai ter problema sim”, ressaltou. Porém deixou claro que não há motivo para ver os robôs como inimigos e “sim como amigos’’, completou.

O ministrante também citou alguns pontos que farão a diferença na empregabilidade e na chance de prosperar no futuro do trabalho, são eles: pensamento crítico e resolução de problemas; colaboração entre redes e liderança por influência; agilidade adaptabilidade; iniciativa e empreendedorismo; a comunicação oral e escrita efetiva; avaliação e análise de informação; e curiosidade e imaginação. “Quem não está prestando atenção nisso, precisa começar a prestar”, enfatizou.

 O Encontro

Nos dias 24 e 25 de setembro ocorre o 4º Encontro da Escola de Educação, Tecnologia e Comunicação, na Universidade Católica de Brasília, com o tema central: Educação, Tecnologia e Diversidade: Diálogos para um mundo melhor.

Durante o período serão apresentadas palestras, debates, mesas redondas e oficinas sobre: Educação Não Violenta, Educação Inclusiva e Políticas de Educação Especial, Educação Emocional e Escrita Criativa, Para falar melhor: oficina para apresentação de trabalhos acadêmicos, Brinquedos Criativos, Design Thinking para aspirantes e apaixonados por empreendedorismo e inovação, Como apresentar projeto para bolsa de capacitação em Economia Criativa no Brasil e no Exterior, Estilos de Aprendizagem, Ferramentas Google, e muito mais.

Por Igor Porto e Júlia Eleutério

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *