Cinema no Mane Garrincha vai gerar 200 empregos

Maior empresa de cinema da América Latina fará investimento para entrar no Boulevard Comercial, empreendimento multiuso que engloba Estádio Nacional, Ginásio Nilson Nelson e Complexo Aquático.

Foto: Igo Estrela/ Metrópoles

A Cinépolis, maior operadora de Cinema da América Latina, e segunda maior do mundo, em público, assinou contrato na última terça feira (27) um contrato com a Arena BSB, consórcio responsável pela gestão, manutenção modernização e operação da estrutura do Arenaplex, complexo que inclui o Estádio Mané Garrincha, Ginásio Nilson Nelson e o Complexo Aquático Cláudio Coutinho.

Segundo a Cinépolis, esse será o maior cinema da cidade e um dos maiores do Brasil. O projeto avalia a construção de 14 salas de cinema, em diferentes formatos, além de espaço kids, um drive-in e salas vip. As obras estão previstas para começar em 2020 e, de acordo com o GDF, o espaço deve gerar 200 empregos diretos após ficar pronto.

Além do Cinema, a instalação de restaurantes, academia, escritórios e uma boate fazem parte da proposta e um concurso público será lançado nesta sexta-feira (30) para escolher o projeto arquitetônico da área de lazer.

Valores

O projeto vai custar aproximadamente R$ 46 milhões. Segundo o GDF, serão recursos privados. A rede de cinemas irá investir R$ 35 milhões e os R$ 10 milhões restantes ficarão por conta da Arena BSB.

Além disso, o GDF vai receber R$ 5,05 milhões por ano do Arena BSB e 5% do faturamento do complexo Arenaplex.

Por Breno Araújo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *